Principais notícias do dia


Informação é a melhor arma contra a desinformação. 
       
Saiba o que aconteceu no dia. Os links das matérias estão no resumo para serem checados e lidos na íntegra.

Notícias do dia 13/11/2018

ESTADÃO
  • Bolsonaro anunciou hoje mais um ministro. O assessor dp ministro Dias Toffoli do STF, o general da reserva Fernando Azevedo e Silva foi nomeado pelo presidente eleito como ministro da Defesa.
  • Bate boca na Câmara dos Deputados.Manifestantes e deputados discutiram feio hoje em reunião que debate o PL 7180/14, da Escola Sem Partido. A reunião foi suspensa.
O GLOBO
  • Deputado Mandetta, cotado para ser ministro da Saúde no governo Bolsonaro, é suspeito de favorecer empresa que pagou viagem para ele ir a Portugal. Mandetta além de responder inquérito por probidade administrativa e  é investigado pelaProcuradoria Geral da República ( PGR ) por suspeitas de ter favorecido duasempresas – a Telemídia e a Alert – num contrato de R$ 9,9 milhões assinado coma Secretaria de Saúde de Campo Grande (MS), no período em que ele comandou a pasta.
  • Bolsonaro ironizou hoje que o próximo ministro das Relações Exteriores que poderá ser anunciado amanhã (14/11) "pode ser Gay". Sem comentários...
FOLHA DE SÃO PAULO
  • Mercado financeiro fica nervoso com perspectiva de reforma da previdência ficar para 2019. Dólar fechou em alta em R$ 3,83 e Bolsa caiu puxada pela Petrobrás que fechou em queda de 4%.
  • CNN e Trump realmente não se entendem. CNN entrou com processo contra o presidente Donald Trump e quer credencial do repórter Jim Acosta de volta.
G1
  • Após anunciar que ministério do Trabalho iria perder status de ministério, bolsonaro hoje (13/11/2018) voltou atrás e disse que irá manter o status de ministério do Trabalho
  • A Secretaria do Tesouro informou que 14 estados ultrapassaram os limites de gastos. O limite de gastos ultrapassou 60% da recita , ou seja a Lei de Responsabilidade Fiscal foi (LRF) foi desrespeitada.
JOTA
  • Bolsonaro se desculpa com TSE por ter se excedido durante a campanha com críticas as urnas eleitorais.
  • A defesa de Eduardo Bolsonaro informou ao STF que rejeita a proposta de acordo da PGR. Eduardo foi denunciado por trocas de mensagens com jornalista com conteúdo ameaçadores. 
  • STJ mantém na Justiça eleitoral ação Penal de Fernando Pimentel. Pimentel é investigado por tráfico de influência, lavagem de dinheiro, e falsidade ideológica para fins eleitorais.
UOL


Notícias do dia 12/11/2018

ESTADÃO
  • Ministro Nefi Cordeiro (STJ) mandou soltar Joesley, Ricardo Saud e outros presos na operação Capitu alegando que as prisões foram ilegais.
  • Governador do Maranhão, Flávio Dino do PCdoB, decretou "Escola sem Censura" no estado baseado no Inciso II do artigo 206 da Constituição que garante liberdade de ensino.
  • Em entrevista no CCBB (onde funciona o governo transitório) Onyx Lorenzoni se referiu a Bebeiano como ministro. Hum... será que Gustavo Bibiane será mesmo ministro e o que dirá Bolsonaro por  Onyx ter anunciado antes dele Bebiano como ministro?
  • Bolsonaro disse hoje que pode indicar Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS) para o ministério da Saúde. Mandetta responde inquéritos por improbidade adm entre outros.
O GLOBO
  • Stan Lee o criador do Homem-Aranha, Homem de Ferro, X-Men, Incrível Huk morreu hoje aos 95 anos . Descanse em paz!
  • Joaquim Levy será o futuro presidente do BNDES. Levy foi secretário do Tesouro no governo Lula e ministro da fazenda por 11 meses no governo Dilma. Levy tem um perfil liberal e segundo a reportagem, se alinha a Paulo Guedes.
FOLHA DE SÃO PAULO
  • Twitter prestou contas ao TSE sobre as publicações e afirmou que nem Bolsonaro, nem PSL pagaram para impulsionar publicação. 
  • Incêndio na Califórnia continua causando mortes e destruição. Os números são impressionantes: 31 mortos, 228 desaparecidos e mais de 250 mil pessoas tiveram que deixar suas casas.
G1
  • Onyx Lorenzoni afirmou que Noruegueses tem que aprender com os brasileiros como preservar uma floresta, A Noruega é o principal doador do fundo de preservação da Amazônia. Ano passado a Noroega anunciou que iria cortaria pela metade o repasse ao Brasil pelo alto índice de desmatamento na Amazônia.
  • Ministro Fux (STF) disse que se aumento salarial do ministros do STF não for vetado por Temer, o auxílio-moradia dos juízes cairá. Mais cedo Temer havia dito que antes de confirmar  o aumento queria que STF votasse logo o fim do auxílio-moradia. Vamos aguardar.
  • Twitter, Facebook eInstagram dizem que Bolsonaro não pagou para impulsionar conteúdo. Google apontou gasto de R$ 1 mil. Informações são resposta ao tribunal, que apura eventual ilegalidade. Empresas dizem que, se TSE pedir, podem fornecer dados de outras páginas.

GAZETA DO POVO
  • Bolsonaro já tem alguns nomes cotados para complementar a equipe ministerial :Banco Central - Ilan Goldfajn; Petrobras - Ivan Monteiro; Caixa Econômica Federal - Ana Paula Vescovi; Ministro da Saúde - Nelson Teich; Ministro da Educação - Stravos Xanthopoylos; Ministro da Educação - Miguel Nagib; Ministério da Família - Magno Malta; Ministro de Infraestrutura - Oswaldo Ferreira.
  • Presidente eleito Jair Bolsonaro tem 5 prioridades essa semana. Ele estará em Brasilia essa semana e quer definir os nomes para comandar os ministérios do Meio Ambiente, Defesa, Saúde e Relações Exteriores. Também quer tratar da reforma da Previdência, da agenda de privatizações, de medidas de ajuste fiscal e da confirmação de quem vai comandar o Banco Central (BC). As informações são da Agência Brasil. 




Notícias do dia 11/11/2018

G1
  • Hoje foi 0 2º dia de prova do ENEM. A prova teve 45 questões de matemática e 45 de ciências da natureza, com física, química e biologia.
  • Presidente eleito Jair Bolsonaro aproveitou o domingo e foi tirar dinheiro no caixa eletrônico, cumprimentou pessoas na praia e fez churrasco em sua casa.

ESTADÃO
  • Tragédia em Niterói. Sobe para 15 o número de mortos do deslizamento de terra em Niterói. Prefeito prometeu aluguel social para 22 famílias e prioridade na entrega de casas populares.
  • Joaquim Levy será o novo presidente do BNDES.

FOLHA DE SÃO PAULO
  • Grande Prêmio do Brasil de F-1. Hamilton vence em Interlagos, e Mercedes conquista o Mundial de construtores. Piloto pentacampeão, britânico chegou à décima vitória na temporada de 2018.
  • Dr. Roberto Kikawa foi assinado em São Paulo. Ele foi vítima de assalto no sábado (10) à noite, levou 2 tiros e não resistiu. Dr. "Carreata" fundou o Cies Global em 2008 para levar atendimento médico especializado a comunidades carentes.



Notícias 10/11/2018

ESTADÃO
  • Equipe econômica de Bolsonaro estuda corte de tarifas sobre produtos importados. Eletrodomésticos, automóveis e confecção que hoje são taxados de 20% a 35% passariam para 15%. Bens de Capital passariam de 15% a 20% para 10% , produtos sidrurgicos que hoje são taxados em 5% a 15% cairiam para 5% e as demais tarifas que hoje estão em 5% passariam para zero.
O GLOBO
  • Deputados da Alerj presos na Operação Furna da Onça loteavam cargos no Detran em troca de apoio político. O Detran era a "galinha dos ovos de ouro" dos corruptos.
  • Merkel , Macron e Trudeau participaram das cerimônias comemorativas do fim da 1º guerra mundial, mas Trump não foi porque estava chovendo.
FOLHA DE SÃO PAULO
  • O presidente eleito Jair Bolsonaro irá começar o mandato com um rombo fiscal deixado pelo atual governo de R$ 259 bilhões para os próximos 4 anos. Esse valor é relativo a "pautas bombas" aprovadas pelo congresso. Só esse aumento que o senado aprovou para os ministros do STf, que tem efeito cascata, o gasto em 4 anos será de R$ 21 bilhões. O presidente realmente precisará de uma boa equipe econômica.
  • Sobe para 10 o número de mortos no deslizamento de terra no Morro da Boa Esperança em Niterói.
G1
  • Corregedor Humberto Martins abriu procedimento investigatório para apurar se há alguma irregularidade em Sérgio Moro aceitar ser ministro da Justiça. O corregedor precisou abrir esse inquérito devido a partidos, entidades entrarem com representação alegando que houve atuação política de Moro no caso Lula (rsrsrs). 
  • Rocha Loures disse que nunca abriu mala de dinheiro da JBS. Loures é réu por corrupção e lavagem de dinheiro.



Notícias 09/11/2018

G1
  • Operação Capitu. PF prendeu Joesley Batista, Ricardo Saud, Antonio Andrade (ex-governador de MG), e mais 7 pessoas pelo esquema de propina dentro do minstério da Agricultura no governo Dilma para beneficiar o MDB.
  • PF nas ruas no Pará para desarticular esquema de fraudes em licitações que desviou mais de R$40 milhões da saúde e educação em prefeituras no interior do estado.
ESTADÃO
GAZETA DO POVO



Notícias 08/11/2018

ESTADÃO
  • Assim que foi aprovado pelo Senado, Temer assinou o decreto da Rota 2030, que regulamenta novo regime automotivo. A medida provisória prevê incentivos fiscais e em troca as montadoras terão que investir em pesquisas e desenvolvimento tecnológico.
  • Tereza Cristina, indicada para ministério do Agronegócio, nega conflito de interesse por manter parceria com JBS. 
O Globo
  • Cúpula das Forças Armadas entregam ao presidente eleito Jair Bolsonaro e ao futuro ministro Paulo Guedes uma proposta de reforma da previdência dos militares e reajuste de salários para generais, a propostas tem os seguintes pontos os seguintes pontos: 1) ampliação do prazo de permanência dos militares na ativa — e, portanto, de contribuição — de 30 para 35 anos; 2) idade mínima para aposentadoria de 55 anos, para homens e mulheres; e 3) contribuição a ser paga também por cabos, soldados, alunos das escolas de formação militar e pensionistas. Por outro lado, num mesmo projeto de lei que trate de eventual reforma da Previdência, a cúpula das Forças pede a especificação de aumento de salários aos generais de mais alto posto, com equiparação à remuneração de um ministro do Superior Tribunal Militar (STM).
  • Vocês sabem quais foram os senadores que votaram a favor do reajuste dos minstros do STF? Eis a lista: A favor do aumento: Acir Gurgacz (PDT-RO), Aécio Neves (PSDB-MG), Ângela Portela (PDT-RR), Antonio Anastasia (PSDB-MG),  Antônio Valadares (PSB-SE), Armando Monteiro (PTB-PE), Ataídes Oliveira (PSDB-TO), Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), Cidinho Santos (PR-MT), Ciro Nogueira (PP-PI), Dalirio Beber (PSDB-SC), Davi Alcolumbre (DEM-AP), Edison Lobão (MDB-MA), Eduardo Amorim (PSDB-SE), Eduardo Braga (MDB-AM), Eduardo Lopes (PRB-RJ), Fernando Coelho (MDB-PE), Garibaldi Alves Filho (MDB-RN), Hélio José (PROS-DF), Ivo Cassol (PP-RO), Jorge Viana (PT-AC), José Agripino (DEM-RN), José Amauri (PODE-PI), José Medeiros (PODE-MT), José Serra (PSDB-SP), Otto Alencar (PSD-BA), Paulo Bauer (PSDB-SC),Paulo Rocha (PT-PA), Raimundo Lira (PSD-PB), Renan Calheiros (MDB-AL), Roberto Rocha (PSDB-MA), Romero Jucá (MDB-RR), Rose de Freitas (PODE-ES), Sérgio Petecão (PSD-AC), Tasso Jereissati (PSDB-CE), Telmário Mota (PTB-RR, Valdir Raupp (MDB-RO), Vicentinho Alves (PR-TO), Walter Pinheiro (Sem partido-BA), Wellington Fagundes (PR-MT),  Zeze Perrella (MDB-MG).
FOLHA DE SÃO PAULO
  • Caso jogador Daniel. Polícia prendeu mais 3 suspeitos envolvido no crime. Relembrando o caso, o jogador Correa foi encontrado morto num matagal. Edison Brittes Júnior confessou o crime .
  • Aerolíneas Argentina entra em greve e mais de 100 voos foram cancelados.
G1
  • Operação Armistício. PF investiga propina da Odebrechet para senadores aprovarem medidas que favoreceram a empresa. Foram cumpridos 9 mandatos de prisão e embora Romero Jucá, Gim Argelo e Renan Calheiros estejam investigados, eles não foram alvos da PF hoje,
  • Mensalinho da Alerj. PF cumpriu 22 mandatos de prisão. O mensalinho movimentou R$54 milhões em propinas comandada por Sérigio Cabral. Veja a lista: 22 mandados cumpridos:PODER EXECUTIVO: Affonso Monnerat, secretário estadual de Governo, preso nesta quinta; Leonardo Jacob, presidente do Detran, preso nesta quinta; Vinícius Farah (MDB), ex-presidente do Detran, eleito deputado federal, preso nesta quinta.  PODER LEGISLATIVO: André Correa (DEM), deputado estadual reeleito e ex-secretário estadual de Meio Ambiente, preso nesta quinta; Chiquinho da Mangueira (PSC), deputado estadual reeleito e presidente da escola de samba, preso nesta quinta; Coronel Jairo (MDB), deputado estadual não reeleito, preso nesta quinta; Edson Albertassi (MDB), deputado afastado - já preso em Bangu; Jorge Picciani (MDB), deputado afastado - já em prisão domiciliar; Luiz Martins (PDT), deputado estadual reeleito, preso nesta quinta;Marcelo Simão (PP), deputado estadual não reeleito, preso nesta quinta; Marcos Abrahão (Avante), deputado estadual reeleito, preso nesta quinta;Marcus Vinícius Neskau (PTB), deputado estadual reeleito, preso nesta quinta;Paulo Melo (MDB), deputado afastado - já preso em Bangu.  ASSESSORES E AUXILIARES:Alcione Chaffin Andrade Fabri, chefe de gabinete e operadora financeira de Marcos Abrahão - presa nesta quinta;Daniel Marcos Barbiratto de Almeida, enteado e operador financeiro de Luiz Martins - preso nesta quinta;Jennifer Souza da Silva, empregada do Grupo Facility/Prol, vinculada a Paulo Melo - preso nesta quinta;Jorge Luis de Oliveira Fernandes, assessor e operador financeiro de Coronel Jairo - preso nesta quinta;José Antonio Wermelinger Machado, ex-chefe de gabinete e principal operador financeiro de André Corrêa - preso nesta quinta;Leonardo Mendonça Andrade, assessor e operador financeiro de Marcos Abrahão - preso nesta quinta; Magno Cezar Motta, assessor e operador financeiro de Paulo Melo - preso nesta quinta;Shirlei Aparecida Martins Silva, ex-chefe de gabinete de Edson Albertassi e subsecretária dos Programas Sociais da Secretaria Estadual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Desenvolvimento Social - preso nesta quinta.Carla Adriana Pereira, assessora de registros do Detran – presa nesta quinta.
  • Outro triste caso de atirador nos EUA. Um ex-militar atirou e matou 13 pessoas em uma casa noturna na Califórna.
GAZETA DO POVO
  • Tribunal  de Justiças do Paraná negou recurso de Beto Richa para trancar investigação superaguia
  • A barganha. Dias Toffoli disse que o STF só votaria o auxílio moradia se o aumento do salário dos ministros fosse aprovado. É o famoso toma lá, dá cá.
UOL
ISTO É
Lula sofre outra derrota. TRF4 negou hoje os recursos apresentados pela defesa de Lula sobre terreno do Instituto. 




Notícias 07/11/2018

ESTADÃO
FOLHA DE SÃO PAULO
G1
  • Bolsonaro disse hoje que termos "prensa no congresso" usado por Paulo Guedes, foi inexperiência política. Segundo Bolsonaro, o termo correto é "prensa", mas convencimento. 
  • Temer convida presidente eleito para participar das viagens internacionais com ele, inclusive na cúpula do G20. 
JOTA
  • Empasse entre Fachin e Gilmar Mendes no STF. O minstro Édson Fachin disse que o pedido de liberdade de Lula pode ser julgado ainda esse ano pela 2ª turma e o ministro Gilmar Mendes quer o julgamento em plenário.
  • Supremo adia para dia 21/11 decisão de foro privilegiado para desembargadores. Até  momento, somente o ministro Benedito Gonçalves votou. Ele mantém o foro dos desembargadores no STJ.
GAZETA DO POVO
UOL

 

Notícias 06/11/2018

ESTADÃO
  • Países árabes prometem retaliação ao Brasil após declaração de Bolsonaro pró-Israel. O Brasil é o maior exportador de carne Halal (abate sem sofrimento) do mundo. Ano passado, somente a venda de frango Halal renderam U$ 3,2 bilhões e 45% da produção. 
  • o partido de Álvaro Dias quer lança-lo como candidato a presidência do Senado. Sem dúvida essa seria uma excelente escolha!!!
G1
  • Presidente eleito Jair Bolsonaro foi à Brasilia para cuidar da transição, falar com Temer e visitar o congresso.
  • Moro declarou que não vê o cargo de ministro como cargo político e sim como cargo técnico.
  • Petrobrás divulga balanço do 3º trimestre. Empresa teve lucro de R$6,64 bilhões e no acumulado do ano um total de R$ 23,6 bilhões

FOLHA DE SÃO PAULO
  • Bolsonaro incluiu na equipe de transição Marcos Aurélio Carvalho da AM4, que foi a maior prestadora de serviço de campanha dele. Essa empresa (AM4) foi a maior responsável pelos disparos no Whatsapp. A campanha de Bolsonaro declarou na prestação de contas no TSE um gasto de um gasto adicional de R$ 535 mil com a AM4 Brasil Inteligência Digital LTDA.

GAZETA DO POVO
  • 30 anos da Constituição teve evento no Congresso e foi a primeira aparição oficial do presidente eleito Jair Bolsonaro. Também estavam presentes o presidente Michel Temer, presidente do Senado Eunício de Oliveira, presidente da Câmara dos deputados Rodrigo Maia, Raquel Dodge da PGR, Dias Toffoli presidente do STF. Todos os discursos tiveram ênfase no respeito a constituição.
  • Bolsonaro ameaça demitir Marcos Cintra que compõe a equipe econômica de Paulo Guedes pela reportagem em que ele defende a volta da CPMF com outro nome, o IVA que é "IPI, INSS patronal, PIS, Cofins e ICMS, e é classificado por Cintra como um imposto do passado, da era industrial. “O burocrático IVA tornou-se um problema nos quatro cantos do planeta. Só na Europa os países daquela comunidade perdem mais de 150 bilhões de euros por ano com as fraudes que ele permite”, escreveu no texto. "

O GLOBO
  • Coordenador da campanha de Bolsonaro no Nordeste que agora integrante da equipe de transição, Julian Lemos, foi acusado de estelionato ( processo foi prescito) e 3 acusações pela Lei Maria da Penha.

  • Bolsonaro diz que vai mudar cálculo de desemprego porque a atual é uma "farsa". IBGE reage e diz que Bolsonaro não compreende como é feito os cálculos. 

  • Sérgio Moro concede primeira entrevista coletiva e a frase que ficou marcada foi em relação as críticas de Lula,

    'Não posso pautar minha vida por um álibi falso de perseguição política' disse Moro.

GAZETA DO POVO
UOL



Notícias 05/11/2018

ESTADÃO
  • Adotando a moda de Bolsonaro, deputado Peninha (MDB-SC) anunciou pelo twitter que o presidente eleito pediu para deixar o Estatuto do desarmamento para 2019
  • Em mais uma tentativa de sair da cadeia, Lula agora acusa Moro de falta de imparcialidade e pede ao STF para liberta-lo.
  • A Casa Civil anunciou hoje que nomeou 27 pessoas para transição do Bolsonaro. Paulo Guedes , Gal Heleno, Marcos Pontes comandarão a transição.
FOLHA DE SÃO PAULO
  • Ao que tudo indica, Battisti será extraditado para a Itála logo que Bolsonaro assumir o comando.
  • Empresas brasileiras devem abrir mais capital na Bolsa de Valores em até um ano e meio.
  • Presidente eleito Jair Bolsonaro deu entrevista para Brasil Urgente - TV Bandeirantes e disse que se depender dele não haverá demarcação de terras indígenas"Eu tenho falado que, no depender de mim, não tem mais demarcação de terra indígena". "Afinal de contas, temos uma área mais que a região Sudeste demarcada como terra indígena. E qual a segurança para o campo? Um fazendeiro não pode acordar hoje e, de repente, tomar conhecimento, via portaria, que ele vai perder sua fazenda para uma nova terra indígena", disse Bolsonaro.

G1
  • Segndo a  pesquisa Sintonia Eleitoral (uma pesquisa sobre vários temas feitas por uma empresa canadense e  o G1) , a maioria dos entravistados preferem deixar a lei do aborto como está.
  • Dória, em mais uma insensatez, chamou Kassab para chefe da Casa Civil do futuro governo de SP. Kassab é investigado por Cx2 e lavagem de dinheiro!
O GLOBO
  • Moro diz aos colegas que se tiver sorte fará algo importante no cargo de ministro
  • Bolsonaro e FHC tocam farpas no twitter após FHC ter dito que gov de Bolsonaro poderá ser prejudicial no exterior.
  • Carros apreendidos no RJ vão a leilão, tem BMW com lance inicial de R$ 16 mil. Os lances podem ser dados online.

GAZETA DO POVO
  • Ricardo Amorim diz em sua coluna que se Bolsonaro fizer as reformas, o país crescerá mais do que projetado.
  • Bolsa de Valores bate novo recorde com otimismo de uma agenda econômica liberal de Bolsonar. Contrariando a regra, dólar tb subiu e fechou em R$3,72 

UOL
  • Ministra Carmem Lúcia do STF disse que o munda está passando por transformações e que os direitos conquistados não passem por retrocesso.'Estamos vivendo uma mudança perigosamente conservadora', diz Cármen Lúcia




04/11/2018
ESTADÃO
O GLOBO
  • ENEM 2018 - Tema da prova de redação foi "Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet
G1
FOLHA DE SÃO PAULO
GAZETA DO POVO
  • Os 5 prováveis ministérios que podem acabar no gov Bolsonaro: Segurança Pública, Esporte, Cultura, Indústria, Comércio Exterior e Serviços e Ciddades
CONGRESSO EM FOCO

03/11/2018
ESTADÃO

G1

ISTO É
  • José Dirceu disse que  o PT precisa aprender com os "coxinhas"

FOLHA DE SÃO PAULO
O GLOBO



02/11/2018
ESTADÃO
O GLOBO
FOLHA DE SÃO PAULO
G1
GAZETA DO POVO
ISTO É
UOL

01/11/2018


















Comments